Amar não é só beijar e abraçar. É saber parar uma briga porque sabe que não vale a pena. É saber que nem sempre estará tudo bem. E acima de tudo saber que um te amo fortalece a relação, mesmo depois de brigar. Pelo simples fato de não desistirem mesmo passando por momentos difíceis.
Charles Bukowski. (via adesejar)

Você gosta que ela goste de você? Você gosta de carinho? Ser bem tratado? Saber e sentir que ela é apaixonada por você? Você gosta do cuidado e da preocupação que ela tem por você? De como ela se importa com a sua vida. De saber que você está bem. Como ela quer ajudá-lo. E estar ao seu lado. E estar ali, pra dar uma força se, por ventura, você deixar a peteca cair. Se coloque no lugar dela, pelo menos uma vez. Ela está aí porque quer. Porque gosta do jeito que ela é com você. Porque gosta de você. Se não fosse por isso já teria ido embora. Mas não. Ela não quer ir pra outro lugar. Porque ela fica triste longe de você. O mundo fica esquisito e anda de uma forma devagar e lenta sem você. Por isso ela nunca quis que você pensasse em ir. Ela gosta de música, dias bonitos, cachorros, brisa do mar, sol, frio, sentir o vento dançando nos cabelos, rir até a barriga doer, falar besteira, desenvolver “teorias” malucas, filmes, viajar, chocolate, arte, você. No meio disso tudo você sabe quem ela é e como se sente. Ela gosta do seu jeito manso e doce. Do seu lado carente e delicado. E da sua postura de homem firme. E tem ciúmes de você. Ela gosta das suas palavras carinhosas e do seu lado divertido. Do seu jeito infantil de não saber lidar com pequenos contratempos. De como você fica cheio de manha quando está doente. De você como um todo.
Clarissa Corrêa. (via ocolizada)

Quero sentir seu cheiro, seu beijo, sua respiração. Quero sentir suas batidas, seu toque, seu calor. Suas mãos nas minhas, seu corpo no meu, respirar o mesmo ar que o seu. Te provocar arrepios, sorrisos bobos a gargalhadas. Sua boca molhada, sua pele macia, seu pescoço quente. Seus braços fortes, as entradas do teu rosto se movendo ao sorrir, seus olhos fixados aos meus, seu abraço aconchegante, seus cabelos escuros. Sentir você por inteiro, sobre mim, em mim, só pra mim.
— 78th day, 93 Days Without Him (via wanting-to-meet-you1)

hojeacordeisemvoce:

Então, é ou não ? ; D


Eu queria ser seu último amor. Mas sabia que não era. Sabia e a odiava por isso. Eu a odiava por não se importar comigo. Eu a odiava por ter me deixado naquela noite. E odiava a mim mesmo por tê-la deixado ir embora, porque, se eu tivesse sido suficiente, ela não teria querido ir embora. Simplesmente teria se deitado comigo, conversado e chorado. E eu a teria ouvido e teria beijado as lágrimas que caíam dos seus olhos.
Quem é você, Alasca?   (via velejo)

Sabe de uma coisa? Não, você não sabe. Vou te contar. Eu ando tão sensível. Precisando assim de uma palavra suave, de um gesto inesperado - e belo. Você consegue me surpreender de um jeito bom? Diz que sim, preciso tanto de você. Que coisa louca essa: a gente precisa de alguém. Mas, sabe, a gente sempre precisa de alguma coisa que nos coloque no eixo. Ando meio fora dos trilhos, se é que você me entende. Andei pensando na vida - é, sei que isso dá calafrios…
Clarissa Corrêa. (via velejo)

http://feelvibration.tumblr.com/post/59399948054/voce-diz-que-eu-me-preocupo-demais-so-que-voce

feelvibration:

Você diz que eu me preocupo demais, só que você não intende que eu te amo, e o amor é isso, é se preocupar, ter medo de perder, não saber viver sem a pessoa. Você não intende, que até um simples “oi” seu pode estragar meu dia ou melhorar, só depende de forma que vai dar. O jeito que você fala…